Notícias

EMPREGO NA CONSTRUÇÃO BRASILEIRA CRESCEU 0,17% EM MAIO

13/07/2018

noticias

O nível de emprego na construção civil brasileira cresceu 0,17% em maio na comparação com abril. Com a contratação de 3.865 trabalhadores, o estoque foi de 2.329.666 para 2.333.531. Na comparação com maio de 2017, houve queda de 2,08% (-49.630). Ao se desconsiderar os efeitos sazonais*, o emprego registrou -0,16% em maio na comparação com abril (-3.698).
Os dados são da pesquisa realizada pelo  SindusCon-SP em parceria com a Fundação Getulio Vargas (FGV), com base em informações do Ministério do Trabalho e do Emprego (MTE).
A ligeira elevação do emprego em maio não deve ser interpretada como uma retomada do crescimento da construção, comenta José Romeu Ferraz Neto, presidente do SindusCon-SP. “Nos primeiros cinco meses deste ano ainda estamos com 77 mil empregos a menos, em comparação com o acumulado do mesmo período do ano passado, e com o mesmo contingente de trabalhadores de maio de 2009”, afirma.

Segmentação 
Em maio, na comparação com abril, as maiores altas foram em Infraestrutura (0,80%), Engenharia e Arquitetura(0,67%) e Preparação de terreno (0,27%). Na outra ponta, houve redução em Obras de acabamento (-0,75%) e Incorporação de imóveis (-0,32%).

Na análise de 12 meses, houve queda em quase todos os segmentos, exceto Engenharia e Arquitetura (4,05%). As maiores baixas foram em Obras de acabamento (-4,09%), Imobiliário (-3,90%) e Incorporação de imóveis(-3,45%).

Por regiões
Na estratificação por regiões, os resultados de maio na comparação com o mês anterior mostram elevação do emprego nas regiões Norte (2,33%), Sul (0,07%), Nordeste (0,06%) e Sudeste (0,05%). A exceção foi o Centro-Oeste, com queda de -0,07% nas contratações.

No Sudeste as altas foram em Minas Gerais (1,55%) e Espírito Santo (0,19%). Registraram queda São Paulo (-0,50%) e Rio de Janeiro (-0,33%).

Na região Sul o emprego na construção cresceu apenas no Paraná (0,48%). Tiveram baixa Santa Catarina (-0,23%) e Rio Grande do Sul (-0,11%).

No Nordeste, apenas três estados tiveram alta nas contratações: Ceará (2,34%), Rio Grande do Norte (0,93%) e Sergipe (0,36%). O Maranhão na apresentou alteração no saldo no período. As maiores baixas foram em Pernambuco (-1,40%), Alagoas (-0,58%) e Paraíba (0,51%).

Na região Norte, as principais altas foram em Tocantins (7,66%), Pará (3,08%) e Rondônia (3,05%). Roraima e Amazonas tiveram baixas de 6,50% e 1,55%, respectivamente.

Única região a ter resultado negativo em maio em relação a abril, o Centro-Oeste registrou alta no Mato Grosso (2,21%), Mato Grosso do Sul (0,61%) e Distrito Federal (0,01%). Já Goiás reduziu seu estoque de trabalhadores em 1,42%.

Emprego Brasil - 05.2018




Fonte: http://sinduscon-fpolis.org.br/index.asp?dep=9&nomeDep=noticias&pg=2204&titulo=emprego-na-construcao-brasileira-cresceu-0-17-em-maio

Outras Notícias

BANCOS ANUNCIAM REDUÇÃO DE JUROS APÓS CORTE DA SELIC

Após o corte na taxa básica de juros, a Selic, nesta quarta-feira (31), pelo Banco Central, bancos anunciaram redução das ...

Maior taxa cobrada pelo banco, hoje em 11%, cairá para 9,75%; Caixa também vai renegociar dívidas, o que deve atingir 2,3 milhões de pessoas.

A Caixa Econômica Federal anunciou a redução nos juros no financiamento da casa própria, que passam a valer a partir da pr...

CAIXA REDUZ TAXA DE FINANCIAMENTO DE IMÓVEIS PARA 8,75%

A Caixa Econômica Federal anunciou hoje a redução da taxa de juros do crédito imobiliário para imóveis com va...

CAIXA REDUZ JUROS DA CASA PRÓPRIA E AUMENTA LIMITE PARA FINANCIAR IMÓVEL USADO

Caixa Econômica Federal (CET) anunciou a redução nas taxas de juros do crédito imobiliário com recursos do Sistema B...

PARA ESTIMULAR CONSTRUÇÃO CIVIL, GOVERNO SOBE VALOR DO IMÓVEL QUE PODE SER COMPRADO COM FGTS

Diante do ritmo fraco da construção civil o governo vai tomar uma medida para estimular a construção de imóveis n...

Bancos rivais da Caixa reduzem juros do financiamento imobiliário

Financiar um imóvel começa a ficar mais barato. Isso porque uma disputa entre bancos por esse mercado levou à reduçã...

Como a redução da SELIC impacta diretamente no mercado imobiliário

Em momento otimista da economia, setor é um dos mais beneficiados por redução em taxa de juros O brasileiro conviveu por muito...

CONFIRA OS RISCOS DE COMPRAR OU VENDER IMÓVEL SEM UM CORRETOR

Com o avanço da internet, ficou muito mais fácil anunciar ou procurar anúncios de imóveis para locação ou ve...

SERÁ QUE À HORA É BOA PARA COMPRAR IMÓVEL?

Muitos de nossos clientes fazem essa pergunta freqüentemente para nós. Afinal, em tempos de crise, acredita-se que não devemos con...

CAIXA REDUZ PARA 50% TETO PARA FINANCIAMENTO DOS IMÓVEIS USADOS

A partir da próxima segunda-feira (25), mutuários que financiarem imóveis usados na Caixa Econômica Federal vão enfr...
icone-whatsapp 1
redesp_facebook.pngredesp_skype.pngredesp_youtube.pngredesp_instagram.png
O imóvel que você procura está aqui!
Faça uma busca detalhada e conheça as melhores opções que temos para você.
Tipo:
Cidade:
Valor Mínimo:
Dormitórios:
Finalidade:
Bairro:
Valor Máximo:
 
SENDA INVEST
Rua Professor Ayrton Roberto de Oliveira nº64 Sala 201
Bairro: Itacorubi 
Florianópolis/SC
CEP: 88034-050

 CRECI 4837-J

 

Telefone: (48) 3733-7209
WhatsApp: (48) 99991 5626 / 99122 1608

E-mail: contato@sendainvest.com.br

www.sendainvest.com.br © 2022. Todos os direitos reservados.
Site para Imobiliarias
Site para Imobiliarias
(48) 99177-6699